Liderança - A diferença entre dono de fazenda e empresário rural


A sua mentalidade de empresário PRECISA ser maior que a sua mentalidade de fazendeiro.

Esta constatação veio após vários anos visitando e analisando diversas propriedades rurais, com diferentes estruturas organizacionais e histórias familiares completamente distintas.

Meu desafio agora é saber se isso vale para o seu caso também...

Fato é que na maioria das situações não existe apurar seu lucro anual, e não existem interações formais com familiares para falar do negócio. Mas quase todos gostam de participar de dias de campo, ou palestras técnicas, na ilusão que poderão aplicar com sucesso aquilo que vão ver nestas ocasiões.

Uma coisa te afirmo com toda segurança:

Enquanto você não definir como prioridade as ferramentas para a gestão do seu negócio, você estará conduzindo a fazenda por pura sorte ou achismos.

Para muitos donos de fazenda foi difícil falar disso, e eu conseguia visualizar a dor na alma deles.  Porém, para 'empresários donos de fazenda', tudo isso fazia sentido, e eles respondiam com um sorriso no rosto, pois era aquilo que queriam ouvir. Estavam dispostos e aptos a implantar um modelo, um método para levar seus negócios agro a um novo patamar.

E isso envolve analisar os pilares de gestão da empresa familiar, que são 5 (na nossa metodologia), através de questões simples.

Este roteiro de perguntas é algo inicial que vai te ajudar a conduzir as suas estratégias para 2020. Adapte à sua situação e vá em frente!

1 – Estratégia: Por que atuar com pecuária de corte e não cana-de-açúcar? Ou... por que aumentar a área agrícola? Ou mesmo... por que não arrendo a terceiros se eu não sei produzir bem? Quais investimentos faremos este ano?

2 – Finanças: Quanto vou faturar nos próximos 12 meses? E quanto tudo vai custar? Terei lucro? Quanto? Que riscos estou correndo de não receber? Teremos caixa para os novos investimentos?

3 – Pessoas: Tenho uma boa equipe? Por que sempre temos problemas com funcionários? Como posso capacitar estas pessoas e melhorar nossos números? Será que faz sentido darmos bonificações sobre os resultados?

4 – Aspectos Legais: Corremos riscos jurídicos? Faz sentido abrirmos uma PJ? O que é Holding e como nos ajudaria? O que acontece quando um sócio falecer? E se houver briga em família?

5 – Interação Familiar: Como discutimos sobre o negócio no ambiente familiar? Gestores familiares devem seguir regras? E os sócios e herdeiros que não atuam, como ficam sabendo sobre os assuntos da fazenda? Como será o negócio quando nosso pai vier a faltar?

Acredite que existem várias coisas que você pode ajustar para ter um projeto organizado e lucrativo DE VERDADE, e que faça valer cada dia do seu empenho. Se prepare para revisar seu modelo de pensamento e mudar. Você verá que as coisas vão se ajustar quase que naturalmente.

Espero que você reflita sobre o assunto...

 

Por Daniel Pagotto.

 

caso queira acelerar isso tudo, e seguir um roteiro que vai te guiar na validação de cada pilar de gestão, temos uma nova oportunidade que vai te ensinar a aplicar o nosso método no seu negócio agro, e validar esta transformação. Clique aqui para saber mais.

Rua Benedito Moreira Pinto 5-60 - Bauru - SP (14) 3879.8338
Todos os direitos reservados 2020
Acompanhe: